Header image

5 dicas de como montar uma rede estruturada para empresa

7 de fevereiro de 2020Dicas , Rede Estruturada

Sua empresa está em ritmo de crescimento acelerado e você precisa estruturar melhor alguns pontos. Muito se fala da necessidade de ter uma rede estruturada para a empresa, mas do que exatamente se trata isso?

A rede estruturada é o pilar da sua empresa quando se trata da comunicação de dados. Por isso, neste post vamos abordar alguns pontos essenciais para montar uma rede estruturada bastante eficiente para a sua empresa. Confira as ideias práticas para ser certeiro na hora de começar seu projeto.

► Falta de limpeza de ar-condicionado é um risco à saúde, entenda!
► O que é Automação Industrial e onde ela se aplica?
► Adequação à NR-10 – Segurança em Serviços e Instalações Elétricas
5 Dicas de Manutenção de Ar Condicionado
5 Dicas incríveis para Manutenção Elétrica Industrial
► Dicas de Manutenção Elétrica Predial Preventiva
► Os 10 principais itens da NR 12

Como montar uma rede estruturada?

Para montar uma estrutura de rede confiável, evitando retrabalho no decorrer do tempo, é importante que você tenha atenção com os 10 pontos essenciais abaixo.

  1. Infraestrutura física

É preciso conhecer bem o ambiente em que pretendemos montar a nossa rede, com a planta baixa você tem a visão geral de todo o espaço. Com ela é possível calcular o início e o fim da estrutura, medir as dimensões para a instalação de cada equipamento e avaliar quanto de material será utilizado para montar a rede estruturada.

Aqui temos a primeira etapa do projeto de rede: conhecer o espaço disponível para mensurar a quantidade de equipamentos que será necessário.

  1. Pessoas utilizando a rede

Saber essa quantidade é importante para definir a capacidade que será instalada. Para tanto, é preciso projetar o headcount, ou seja, calcular o número de pessoas que vão utilizar a rede, levando em consideração a quantidade atual e a futura.

Neste ponto, o alinhamento entre as áreas de Recursos Humanos e Estratégica da empresa é fundamental para que este cálculo contemple o momento presente da empresa e sua projeção de crescimento.

Por exemplo, se hoje sua empresa tem 100 colaboradores, mas pretende contratar mais 50 futuramente, nada melhor do que trabalhar com uma reserva. Assim, construímos uma rede com capacidade de até 160 pessoas, considerando uma margem de aproximadamente 10% de capacidade instalada.

  1. Insumos

As duas informações anteriores são fundamentais para que você possa calcular a quantidade de insumos, como quantos metros de cabo de rede e quantos switches serão necessários, além de quantas telas de computadores, mouses, teclados e etc. Com isso você poderá fazer um orçamento assertivo, sem comprar equipamentos a mais ou a menos.

  1. Infraestrutura elétrica

Seu projeto deve contemplar também a etapa de instalação elétrica, pois é uma condição para fazer sua rede funcionar. Você deve prever uma boa instalação elétrica, com geradores exclusivos para os seus servidores, independentes do resto da empresa. Mas atenção: para a instalação elétrica preveja a contratação de uma empresa especializada. Assim, você ganha tempo e minimiza os riscos.

  1. Número de servidores

Nessa etapa é preciso conhecer quais e quantas tecnologias serão gerenciadas pela sua rede. Por exemplo, vai utilizar Windows server? Sistemas Linux? Precisará de sistema de câmeras? Controle de acesso e entre outros? Assim será possível compreender se será preciso de apenas um servidor mais robusto (com capacidade para colocação de várias tecnologias dentro dele) ou mais.

Solicite uma visita técnica de nossa equipe através do e-mail contato@r2asistemaseletricos.com.br ou pelos telefones (31) 2342-0880 / (31) 9527-7962 celular (31) 99161-8820 Whatsapp. Aguardamos seu contato!


Related post


Leave A Comment

Your email is safe with us.